brazino777

Diálogo da Rede Sindical debate impactos da nova legislação trabalhista

Evento ocorre no dia 21 de agosto e reunirá representantes de federações e sindicatos industriais para analisar mudanças promovidas pela Reforma Trabalhista

Iniciativa do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA), evento terá transmissão por videoconferência

AConfederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com as federações estaduais, realiza o 2º Diálogo da Rede Sindical da Indústria, no dia 21 de agosto, em Brasília. Com o tema Modernização trabalhista: impactos sobre o ambiente de negócios, o encontro mobilizará líderes e executivos dos sindicatos empresariais da indústria, assim como gestores e especialistas das federações estaduais e da CNI. O evento é uma iniciativa do Programa de Desenvolvimento Associativo (PDA) e ocorre das 14h às 16h, com transmissão por videoconferência para todo o país.

A discussão não poderia vir em melhor momento. No dia 13 de julho, o presidente Michel Temer sancionou a Reforma Trabalhista. As novas regras entram em vigor em novembro, por isso sindicatos industriais precisam estar preparados para orientar as empresas representadas a lidar com as mudanças. Para a CNI, a lei valoriza a negociação coletiva e prestigia o diálogo entre empresas e trabalhadores, que poderão encontrar soluções pactuadas para seu dia a dia, como já prevê a Constituição.

O Diálogo será estruturado em quatro momentos. Primeiramente o deputado Daniel Vilela, presidente da Comissão Especial da Reforma Trabalhista na Câmara dos Deputados, apresentará um panorama das mudanças. Em seguida, a gerente-executiva de Relações do Trabalho da CNI, Sylvia Lorena, abordará os impactos que a Reforma deve gerar sobre o ambiente de negócios. No terceiro momento, o presidente do Conselho Temático  de Relações do Trabalho da CNI, Alexandre Furlan, fará um balanço dos avanços e desafios para a modernização trabalhista. Por fim, os três expositores responderão a perguntas dos participantes.

REDE SINDICAL DA INDÚSTRIA - A Rede Sindical da Indústria foi criada em 2015 para intensificar o alinhamento, a mobilização em temas de interesse comum e a troca de informações entre as entidades que compõem o Sistema de Representação da Indústria - sindicatos, federações e CNI. Moderada pela CNI, a Rede conta atualmente com a participação ativa de 26 federações e de 699 líderes e executivos sindicais de 15 setores industriais. O primeiro Diálogo da Rede Sindical aconteceu em março e abordou perspectivas para a indústria em 2017.

PROGRAME-SE
2º Diálogo da Rede Sindical
21 de agosto, das 14h às 16h (horário de Brasília)

Para mais informações, consulte a federação das indústrias do seu estado.

Relacionadas

Leia mais

Mais imposto é sinônimo de menos emprego, diz presidente da CNI
Sanção da Reforma Trabalhista é um marco para o setor produtivo, afirma presidente da FIEG
Depois da Previdência, reforma tributária deve ser prioridade do Congresso em 2018

Comentários

brazino777 Mapa do site